quarta-feira, 4 de junho de 2014

Abril 2014

Chegou com o cheiro a cravos, folar e amêndoas... Abril, um mês que por um motivo ou outro me afecta de uma forma significativa e estranha. Grândola Vila Morena e E depois do Adeus são musicas que fazem parte da minha história, que marcaram uma época, e que por muito que tentem jamais esquecerei. Lutas, palavras de revolta e sede de liberdade... momentos vividos intensamente por muitos que hoje, de alguma forma esquecidos, me permitiram estar aqui hoje a partilhar, livremente, estas singelas palavras e sentimentos convosco. O cheiro a cola de cartaz, as musicas ouvidas na época, os comícios e manifestações na rua... tudo fez parte do inicio da minha vida e me ajudou a crescer com relatos das histórias vividas por quem amo. OBRIGADO a todos e especialmente aos meus pais por terem lutado tanto, por terem acreditado que era possível uma vida e um país melhor.
Celebram-se 40 anos da Revolução dos Cravos! Abril...



Mas Abril, também significa Páscoa, celebrações, com a oferta dos ramos às madrinhas e do folar, amêndoas ou ovos de chocolate aos afilhados... à minha mesa não faltou o folar, os sorrisos, gargalhadas e brincadeiras de uma família de doidos unidos. Um mês marcado pelo cheiro das flores e da terra molhada pelas chuvas que se fazem sentir num tardar de um verão que começa a espreitar.

Maio anuncia-se tímido num raio de sol ao entardecer, no alongar dos dias que mesmo assim teimam em não chegar para tudo o que quero fazer.

Sem comentários: